Imprimir Resumo


XI ENPEC :: XI Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências
Resumo: 1727-1

Poster (Painel)


1727-1

A CIÊNCIA A PARTIR DA VIVÊNCIA DE SER CIENTISTA DOCENTE-PESQUISADOR FORMADOR DE PROFESSORES NA INDISSOCIABILIDADE DO TRIPÉ UNIVERSITÁRIO: UM ESTUDO FENOMENOLÓGICO

Autores:
SUART JÚNIO, J. B.1, ZULIANI, S. R. Q. A.2, CARNEIRO, M. C.2
1 UTFPR - Universidde Tecnológica Federal do Paraná - Campus Apucarana, 2 UNESP - Universidade Estadual Paulista- Campus de Bauru

Resumo:
No Brasil, cientistas são responsáveis por disciplinas de conteúdos técnico-científicos, que fazem parte do processo de constituição da imagem de Ciência construída ao longo dos cursos de licenciatura. O presente trabalho busca compreender como cientistas significam a ciência a partir da vivência de ser cientista docente-pesquisador formador de professores na indissociabilidade do tripé universitário como parte do contexto de constituição de saberes docentes. A partir da fenomenologia como abordagem de pesquisa qualitativa, quatro docentes-pesquisadores (dois físicos e dois químicos) de uma universidade pública do estado de São Paulo, Brasil, foram questionados sobre a prática da ciência e formação de professores no interior da indissociabilidade do tripé universitário. Os resultados indicam uma descaracterização da atividade científica com implicações para a educação científica e formação de professores.

Palavras-chave:
 Concepção de ciência, Formação de professores, Fenomenologia