Imprimir Resumo


XI ENPEC :: XI Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências
Resumo: 1033-1

Poster (Painel)


1033-1

A ONTOGÊNESE DO SER SOCIAL A PARTIR DO TRABALHO: DISCUSSÕES CRÍTICAS NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE QUÍMICA

Autores:
Bárbara Pinheiro1, Edilson Moradillo1
1 UFBA - Universidade Federal da Bahia

Resumo:
O presente trabalho é decorrente de uma pesquisa empírica de cunho qualitativo, desenvolvida em um componente curricular da dimensão prática do currículo de formação de professores de Química da Universidade Federal da Bahia, denominado O Professor e o Ensino da Química (QUIA43). Esta pesquisa esteve amparada no Materialismo Histórico-Dialético, mesmo referencial teórico que norteia a disciplina. Nesta investigação realizamos uma análise documental das sínteses entregues pelos estudantes ao final da disciplina buscando identificar a apropriação da concepção de trabalho como fundante do ser social. Majoritariamente os discentes do componente curricular QUIA43 mostraram-se críticos com relação a noção de trabalho, desmistificando esta categoria social tida como um mal necessário na nossa sociedade.

Palavras-chave:
 Formação de Professores, Ontologia do ser social, Trabalho